Arquivo | abril, 2012

Uma Loja Muito Criativa

14 abr

Um publicitário escrever um blog sobre criatividade não é lá uma coisa muito inovadora, não é? Mas foi assim que o blogueiro (e grande parceiro nosso) André Fantin começou uma trajetória de sucesso na Internet. Em 2010 ele criou o blog Repertório Criativo com o propósito de falar sobre todo o tipo de coisa que tenha sido criada pra inovar, revolucionar ou mesmo dar uma sacudida no nosso dia-a-dia.

E é justamente com essa mesma proposta que Fantin resolveu expandir sua visão e abrir uma loja online onde as pessoas que gostam de exibir acessórios e adereços diferenciados podem fazer a festa, quer dizer, estourar os cartões de crédito. Uma Loja Criativa (sim, o nome é assim mesmo) também é uma ótima opção para presentear os amigos, namorado e até cachorro de uma forma bem divertida. Se você, assim como eu, odeia dar presentes sem personalidade e adora surpreender, com certeza achará coisas únicas lá. O legal é que André está sempre buscando coisas novas e aumentando as opções de produtos, que assim como o próprio diz: “não irão mudar a sua vida, mas podem torná-la muito mais divertida”.

Anúncios

Por um mundo sem Photoshop

12 abr

Aquela ideia de uma beleza perfeita e sem falhas já não é mais uma verdade absoluta no imaginário das mulheres. Cada vez mais os frequentes vazamentos de fotos de celebridades sem retoque ou edição faz com que a gente tenha mais noção de como elas realmente são. Por isso é comum nos pegarmos olhando uma página de revista e nos perguntando: como será que essa pessoa realmente é sem Photoshop? Aquela pele lisinha, sem poros e com 87% de airbrush já não está convencendo muito, não é?

Pois agora já é possível responder a essa pergunta. Pesquisadores do Departamento de Ciência da Universidade de Dartmouth desenvolveram um software que consegue avaliar as fotografias revelando o quanto elas foram alteradas digitalmente através de programas como o Adobe Photoshop. A criação dessa ferramenta faz parte de um empenho para trazer mais verdade aos anúncios publicitários e também para restaurar a percepção da beleza natural nas mulheres, que acabam buscando métodos ingratos para tentar chegar aos padrões tão irreais.

Um dos professores envolvidos no projeto afirma que no futuro será possível colocar um rótulo de aviso nas imagens de revistas e anúncios dizendo o quanto elas foram alteradas; a ferramenta funcionaria numa escala de 1 a 5, indo das mais normais até as mais retocadas.  O estímulo para os países adotarem o sistema de marcação das imagens seria reduzir efetivamente o número de casos de distúrbios alimentares. Mas para isso antes é necessário estabelecer uma mesma métrica e a tecnologia correta a fim de uniformizar as classificações.

Veja alguns exemplos de fotos analisadas pela ferramenta:

Enquanto esse sistema não entra em vigor o bom-senso e a auto-estima continuam sendo os nossos melhores amigos.